Ajude na manutenção e expansão do Guia dos Quadrinhos


Magnum



Nome: Simon Williams
Nome original: Wonder Man
Licenciador: Marvel Comics
País de origem: Estados Unidos da América
Criado por: Don Heck, Stan Lee

Lista de revistas com participação de Magnum

    Primeira aparição no:
  • País de origem
    Avengers, The (1963)  n° 9 - Marvel Comics
  • Brasil
    Vingadores, Os  n° 5 - Bloch
Super-herói das HQs dos “Vingadores” da editora Marvel.
Simon Williams era o segundo filho do industrial Sanford Williams. e irmão caçula de Eric Williams (Ceifador).
Quando seu pai morreu, Simon, então com 22 anos, assumiu o controle da Williams Inovações, enquanto Eric estava envolvido com o crime.
Desesperado pela concorrência com as Empresas Stark, Simon investiu o dinheiro de sua empresa em empreendimentos ilícitos, foi descoberto e levado a julgamento.
Vendo o ódio dele por Tony Stark, O Barão Zemo recrutou Simon para tomar parte de seu grupo, os Mestres do Terror. Simon concordou em se tornar cobaia de um experimento de Zemo, adquirindo super força, reflexos e invulnerabilidade semelhantes a Thor. Afirmando que seu soco era igual um golpe do martelo de Thor.
Magnum conquistou a confiança dos Vingadores para levar a equipe a uma emboscada. No entanto, durante os confrontos, Simon decidiu que não trairia os Vingadores, morrendo a seguir.
Embora supostamente morto, seu verdadeiro estado é um mistério devido às instáveis alterações mutagênicas em seu corpo. O místico Garra Negra tenta ressuscitar Magnum, mas na verdade, foi uma misteriosa força cósmica que o faz voltar mais poderoso do que antes. Mas ele ficou abalado por sua morte, assumindo uma atitude insegura e de baixa auto-estima.
Ao retornar a vida, descobre que Ultron usou seus padrões cerebrais para criar o sintozóide Visão, e se torna seu amigo e membro dos Vingadores. Na equipe, cria uma forte amizade com o Fera.
Os Vingadores descobriram que o corpo de Simon evoluiu, sendo nutrido pela energia iônica, e que seu corpo não necessitava mais de respirar e se alimentar, e apenas simulava essas funções.
Durante o combate com o Ceifador, Magnum faz a transfusão de sua energia vital para Visão que estava gravemente ferido. Ceifador acredita que ambos são impostores que roubaram a consciência do Simon Willians original.
Desconfortável com sua vida de heroi tentou ser ator de cinema, e Hércules lhe apresentou os produtores que conhecia. O melhor que conseguiu foi um teste para dublê em um show de TV, trabalhando alguns meses. Foi membro dos Vingadores da Costa Oeste.
A energia iônica gradativamente fez com que Simon ficasse mais poderoso e se sentisse imortal – até que a explosão de um canhão iônico kree dispersou a energia de seu corpo.
O amor de Magnum pela a Feiticeira Escarlate, vinculou-o ao plano material; o poder da Feiticeira canalizou as energias caóticas para dar andamento a sua ressurreição.
Ele criou uma fundação filantrópica mantida pelo relançamento de seus filmes e vídeos, novos projetos e patrocínios, a Segunda Chance.
Após o Ato de Registro Super-humano ser aprovado, Simon foi registrado, tornando-se oficialmente um agente da S.H.I.E.L.D., encarregado de caçar e capturar super-humanos não registrados. Depois de ter que desviar dinheiro de sua própria instituição de caridade, ele foi coagido a fazer mais trabalhos para a S.H.I.E.L.D.
Ele foi pressionado a trabalhar no lado pró-registro na Guerra Civil. Além de capturar super seres, Magnum foi um instrumento na propaganda de televisão para educar o público super-humano sobre a Lei de Registro.
Participou dos Poderosos Vingadores. Nesse tempo namorou Miss Marvel.
Na Invasão Secreta, Norman Osborn criou uma nova equipe de Vingadores, aposentando Magnum, que aparece na televisão, e lamenta o seu mandato como um vingador, alegando que foi um desperdício de tempo, e que usar violência para defender a justiça só lhe causou dor e morte. Ele termina o seu discurso admitindo que talvez Osborn seja exatamente o que o país merece.
Após isto, ele é preso como um membro da nova Legião Letal.
Após o Cerco de Asgard, ele foi o único ex-Vingador que recusou o convite de Steve Rogers para participar da nova equipe de Vingadores, ele acreditava que a equipe causava mais mal do que benefícios e ameaça ataca-la caso insistam em criar a equipe.
Ele ataca a nova equipe dos Vingadores em sua primeira reunião, destruindo os andares superiores da Torre dos Vingadores e o protótipo de Noh-Varr, um dispositivo de viagem no tempo, e exige o fim dos Vingadores. Ele conversa com o Homem de Ferro e Thor, e eles afirmam que Magnum foi um dos membros mais poderosos dos Vingadores que já existiu.
Não sendo atendido, forma os Retaliadores, um super grupo composto por: Demolição (Dennis Dunphy), Anti-venom (Edward Brock), Atlas (Erick Josten), Virtude (Ethan Edwards), Golias (Tom Foster), Mata-demônios (Eric Simon Payne), Century e Capitão Ultra (Griffin Gogol).
Durante o combate, Magnum é preso e os Retaliadores são vencidos.
Na prisão, Magnum conversa com Fera, e diz que fez apenas o necessário e pede que ele também o faça, e Fera lhe dá as costas. Em todas as mídias, há a discussão se Magnum estava certo.
Já foi chamado de Poderoso e Homem Maravilhoso (EBAL).


Relate algum problema encontrado nesse grupo