Ajude na manutenção e expansão do Guia dos Quadrinhos


Raphael Fernandes



País de nascimento: Brasil
19 de dezembro de 1983

Lista de revistas com trabalhos de Raphael Fernandes
Veja lista detalhada dos trabalhos


Raphael Fernandes é editor e roteirista de quadrinhos há mais de 10 anos, além de ter Bacharelado em História pela Universidade de São Paulo (USP). Desde então, já escreveu mais de 900 páginas de quadrinhos que foram publicados.

Responsável pela reformulação da revista de humor MAD (Panini) e pelos quadrinhos da Editora Draco, Raphael Fernandes é também um dos principais editores da cena independente. Seu trabalho pode ser visto em projetos como O Despertar de Cthulhu em Quadrinhos, Ditadura No Ar, A Teia Escarlate, Gibi Quântico, O Rei Amarelo em Quadrinhos, Apagão, Zikas e outras publicações.

Em 2013, ganhou o Troféu HQMix de Melhor Roteirista Novo Talento pelo trabalho desenvolvido na minissérie policial Ditadura No Ar, em parceria com Rafael “Abel” Vasconcellos. Já em 2014, editou o Gibi Quântico, que levou o Troféu HQMix 2015 na categoria Melhor Publicação Mix. Porém, foi a frente da Editora Draco que vários projetos editados por ele receberam o Troféu HQMix 2016: Rei Amarelo em Quadrinhos, por melhor Publicação Mix; Quack - Patadas Voadoras, por Melhor Mangá; e Steampunk Ladies, por Melhor Roteirista Revelação, além de um Troféu de Melhor Minissérie para a última parte de Ditadura No Ar. Já em 2017, a Editora Draco ganhou o Troféu HQMix nas categorias Melhor Publicação Mix, por O Despertar de Cthulhu, e Melhor Minissérie, pelo terceiro volume de Quack.

Também em 2013, foi bem sucedido em uma campanha de financiamento coletivo do quadrinho: Apagão – Cidade Sem Lei/Luz, em parceria com o artista Camaleão. O destaque do projeto foi uma proposta transmedia, que gerou produtos para outras mídias como trilha sonora, livro de RPG, esculturas em resina, street art e um áudio-jogo chamado Apagão - Entre o lobo e cão, em uma co-produção com a Rede Geek (projeto com narração de Guilherme Briggs).

Publicou roteiros em diversas coletâneas de quadrinhos: Café Espacial, Capitu, Máquina Zero, Quatro Estações, Gibi Quântico, Imaginários em Quadrinhos, Clássicos Revisitados, Pátria Armada - Visões de Guerra, Demônios da Goetia, O Despertar de Cthulhu, Na Quebrada, Periferia Cyberpunk, Fome dos Mortos, Despacho e Zumbis e Outras Criaturas das Trevas. Além de ter produzido HQs para os livros de RPG Space Dragon, Abismo Infinito e Cosa Nostra.

Além da produção, ministra cursos e oficinas de roteiro, edição e produção de histórias em quadrinhos em diversas instituições, como Quanta Academia de Artes, Instituto HQ, SESC e na Biblioteca Mário de Andrade, onde foi parte do Conselho Editorial. Também foi editor-chefe do blog de cultura pop Contraversão.





Relate algum problema encontrado nesse artista

  • Antonio Pontes Junior
  • Adicionado por
    Antonio Pontes Junior
    em 19/05/2007 22:20:00
    Editado por RaphaelFernandes